Saiba como preparar sua empresa para um funcionário estrangeiro

Autor: SAMIRA INÁCIA SANTOS E SILVA

Receber um funcionário estrangeiro sempre gera expectativas para os demais colaboradores de uma empresa. Por isso, preparar a sua equipe e os seus processos internos para recebê-lo da melhor maneira possível é essencial para que esse período seja proveitoso a todos os envolvidos.

De fato, a contratação de um funcionário estrangeiro pode ser muito vantajosa para a companhia, mesmo que seja por um curto período de tempo. Isso porque o profissional que vem de outro país costuma chegar bastante engajado, querendo fazer a diferença em seu local de trabalho.

Trata-se, enfim, de uma excelente oportunidade de crescimento cultural para a organização, podendo resultar em ideias inovadoras e uma equipe mais motivada — quando feito com planejamento.

Então, está interessado em contratar um profissional de outro país e quer saber como preparar a sua empresa para recebê-lo? Confira as dicas abaixo!

Conheça os direitos e deveres contratuais do estrangeiro

Antes de mais nada, é importante que os gestores que vão lidar diretamente com o profissional estrangeiro conheçam bem o contrato firmado entre ele e a empresa, para que possam assegurar o seu cumprimento integral.

Antes mesmo de o profissional vir para o Brasil desempenhar o seu trabalho, é preciso que as questões burocráticas estejam bem alinhados para todas as partes, evitando complicações legais quanto ao visto. Algumas delas são:

  • o tempo de permanência;
  • a autorização de trabalho;
  • as condições de trabalho;
  • descrição das atividades, dentre outros pontos.

Crie um ambiente propício à integração

Dependendo do seu país de origem, o funcionário estrangeiro pode ter de lidar com um choque cultural bem intenso. Por isso, contar com seus colegas de trabalho nessa fase de adaptação é muito importante para que ele se sinta acolhido em nosso país, garantindo a melhor execução do seu trabalho.

Antes da chegada do novo colaborador, converse com a sua equipe e prepare-a para ser receptiva. Explique algumas coisas sobre a cultura do intercambista e reforce que o profissional virá para fazer parte do time, agregando mais conhecimento, criatividade e multiculturalidade ao ambiente de trabalho.

Procure também promover happy hours, dinâmicas de grupo e, se possível, passeios culturais, para que todos se integrem melhor.

Prepare treinamentos culturais e funcionais

Ainda pensando em ajudar nessa adaptação do intercambista ao Brasil, prepare um treinamento abordando questões como cuidados com sua segurança, formas de utilizar o transporte público, custo de vida no país, lugares para comer, pontos turísticos, dentre outros tópicos que serão relevantes à rotina dele.

Prepare também, é claro, capacitações para que ele entenda as ferramentas e sistemas utilizados pela sua empresa. Afinal, mesmo que ele já tenha alguma experiência profissional, cada organização trabalha de um jeito.

Incentive o aprendizado de outros idiomas

Mesmo sabendo que, provavelmente, o intercambista já virá sabendo falar um pouco de português, ou que demonstre interesse em aprender o idioma, preparar os seus funcionários para se comunicar com ele também pode mais produtivo.

Nesse sentido, o ideal é investir em cursos corporativos de inglês, ou incentivá-los de alguma maneira a buscar aprimorar os seus conhecimentos, como por meio de parcerias com escolas de idiomas.

Enfim, mostrar para a sua equipe quais são os pontos positivos da contribuição de um profissional estrangeiro em sua empresa é o primeiro passo para a internacionalização dela. Então, estimule seus membros a aproveitar essa troca de conhecimento e cultura para se aperfeiçoar e, juntos, conquistar os resultados almejados pela sua marca!

E agora que você já sabe como preparar a sua empresa para receber um funcionário estrangeiro, veja mais algumas dicas para integrá-lo com facilidade à cultura da sua organização!

Fonte: AIESEC